quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Em 2010, uma grande enchente afetou 68 municípios pernambucanos, Barreiros, na Mata Sul, foi uma das cidades mais prejudicadas pela cheia de junho de 2010. O cenário era catastrófico, a enchente deixou mais de mil residências e pontos comerciais destruídos e mais de três mil pessoas desabrigadas. Nesse vídeo, Roque Estrela, liderança no Município, conta como a ajuda de José Tarcísio foi fundamental para que os comerciantes conseguissem crédito para recomeçar seus negócios.

É por isso que #EstamosJuntosPelaMicroempresa #JoseTarcisio14214 #PEvaimaislonge –


Para as novas conquistas é preciso ter experiência, respeito nacional e compromissos com Pernambuco. É dessa forma que o candidato a governador, Armando Monteiro (PTB), apresenta o último guia eleitoral na TV, exibido na noite desta quarta-feira (1º). O ex-presidente Lula e a presidenta Dilma também são destaques no programa de hoje, dando importância essencial à parceria entre o Governo Estadual e o Governo Federal, para melhorar a vida do povo pernambucano.
 
Para Armando Monteiro, o aprendizado na vida vem através de um conjunto de experiências que a vida proporciona. “Andei em todos os recantos desse Estado. Aprendi ouvindo e dialogando. Conhecendo em cada microregião de Pernambuco, os seus problemas e seus desafios. Mas acho que nesse momento reúno mais experiência, adquirida na direção de importantes entidades empresariais”, ressalta o petebista, que esteve a frente da CNI, do Senai, do Sesi e do Sebrae. “Com a experiência que quatro mandatos parlamentares me proporcionaram, temos condições de fazer uma articulação para fora de Pernambuco. Com os poderes da República, com a comunidade empresarial do país e somar tudo isso, em favor do nosso Estado”, completa Armando.
 
Voto fechado
O último guia eleitoral também destacou a importância do voto fechado, para que Pernambuco tenha mais quatro anos de investimentos, mais emprego e mais progresso. “Nós precisamos reeleger Dilma, pra continuarmos a manter esse alinhamento que tem feito tanto bem a Pernambuco. Porque João Paulo no Senado fortalece esse conjunto político. Ajudando os projetos de interesse de Pernambuco. Vamos votar fechado. Dilma, Armando e João Paulo. Para construir um amanhã melhor para Pernambuco”, salienta Armando Monteiro. “Dilma tem um conhecimento dos problemas de Pernambuco. Ela tem compromissos com uma série de projetos para Pernambuco. Nós vamos manter essa parceria que fez tanto bem a Pernambuco e que será fundamental para que os pernambucanos celebrem novas conquistas nos próximos anos”, acrescenta.
 
“No que depender do meu apoio, Armando vai governar para fazer Pernambuco ir cada vez mais longe. Dia 5 de outubro, conto com seu voto no 13, para presidente. E no 14, para Armando Monteiro governador”, declara a presidenta Dilma Rousseff.
 
Em seu depoimento, o ex-presidente Lula consolida a importância de se eleger um governador alinhado a Dilma e. que tenha um canal direto de diálogo com ela e possa fortalecer, ainda mais, a parceria com o Governo Federal. “Eu tenho uma extraordinária relação com Armando Monteiro, pelo apoio que ele me deu quando era o principal líder empresarial do Brasil e eu presidente da República. Nessas eleições, eu estou pedindo o voto de vocês para Armando governador. Armando é o mais preparado para enfrentar os enormes desafios que o novo ciclo de desenvolvimento de Pernambuco exigirá nos próximos anos”, convoca.

Após uma animada caminhada na tarde desta quarta-feira (1) pelas ruas do Centro do Recife, o candidato a governador pelo PTB Armando Monteiro questionou as fontes de financiamento da campanha de seu principal oponente, Paulo Câmara. "Enfrentamos uma campanha milionária, que faz uma propaganda massiva, absurda, abusiva, rica. Não sabemos nem como isso está sendo financiado", disse Armando, na Pracinha do Diario, no bairro de Santo Antônio.

Ao lado dos companheiros de chapa, João Paulo (senador), do PT, e Paulo Rubem (vice-governador), do PDT, Armando chamou a atenção para a discrepância entre o volume de propaganda nas ruas e os valores declarados à Justiça Eleitoral pelo PSB. "Nossa campanha, que é infinitamente mais modesta, declara gastos oficiais à Justiça Eleitoral maiores que a campanha adversária. Então eu pergunto: de onde vem o dinheiro que está financiando essa propaganda?", questionou o petebista.

Armando também mostrou-se confiante na "histórica vitória" do dia 5 de outubro. "Meu adversário não está preparado para conduzir os destinos de Pernambuco. Pernambuco não pode correr o risco de um retrocesso ou de uma estagnação. Alinhado com a presidente Dilma Rousseff, que, tenho certeza, será reeleita, poderemos concluir os projetos que estão em curso", ressaltou.

DEBATE - Paulo Rubem conclamou o povo de Pernambuco a votar levando em consideração a performance dos candidatos nos debates da TV. "Quem viu os debates das TVs Jornal, Clube e Globo pôde ver que nós temos um candidato preparado e não um candidato programado para responder respostas decoradas", disparou o vice de Armando.

Já João Paulo disse que, durante alguns momentos, quem estava no estúdio da Globo ficou constrangido com a atuação de Paulo Câmara. "Quando ele tinha que responder algo que não tinha decorado, dava uma resposta decorada que não tinha absolutamente nada a ver com a pergunta que tinha sido feita. Um homem desse não pode ser governador de um Estado importante como Pernambuco", complementou.
O candidato a governador Armando Monteiro (PTB) registrou, na tarde desta quarta-feira (1º), o seu programa de governo no 2º cartório de Ofício do Recife. Nesse documento, que possui cerca de 300 páginas, o petebista traça as diretrizes, metas, projetos e programas que vão nortear o seu governo pelos próximos quatro anos. No material, também estão presentes as principais propostas apresentadas por Armando ao longo dos últimos meses, seja nos programas do guia eleitoral na tevê e rádio ou nos debates e atividades de campanha. Armando destacou a educação como a prioridade de seu governo.



“Viemos registrar o nosso programa de governo para que as propostas e compromissos fiquem devidamente registrados. É muito importante que a população possa, amanhã, confrontar o que o governo, efetivamente, realiza com aquilo que foi prometido”, afirmou Armando, no ato da entrega do material. “O registro é um ato importante para marcar esse elenco de compromissos que estamos assumindo”, acrescentou o candidato a governador. Todo o conteúdo está disponível no site de Armando (
www.armandomonteiro.com.br). O candidato a vice, Paulo Rubem Santiago (PDT), acompanhou o petebista no cartório.

O programa de governo foi dividido em 22 temas fundamentais, que estão separados em cinco eixos principais: Cidadania, Qualidade de Vida, Desenvolvimento Sustentável, Infraestrutura e Gestão e Governança. O plano vai definir metas e objetivos para políticas públicas estruturadoras, projetos prioritários e o modelo de gestão e de governança de 2015 a 2018. No ato da confirmação da candidatura, em junho, o candidato do PTB apresentou ao Tribunal Regional Eleitoral uma versão resumida do documento.

“A educação, no nosso entendimento, é algo que reduz desigualdades e ajuda a economia, na medida em que as pessoas se tornam mais produtivas quando mais educadas”, disse Armando.

Entre a concepção e conclusão, foram mais de cinco meses de trabalho no plano. Ao todo, 15 pessoas atuaram na formatação do programa, ouvindo especialistas, técnicos, acadêmicos e formadores de opinião. Uma das principais fontes de contribuição para a produção do material foram as plenárias do projeto Pernambuco 14, promovidas por Armando entre abril e junho deste ano. A iniciativa mobilizou mais de 26 mil pessoas, em 14 reuniões em todas as regiões do Estado e coletou mais de 5,2 mil propostas.

A equipe responsável pela confecção do programa de governo de Armando também se debruçou sobre pesquisas, fez visitas técnicas, entrevistas, análise de dados do governo de Pernambuco, além de reuniões com segmentos da sociedade, plenárias setoriais, consulta aos partidos que integram à coligação Pernambuco Vai Mais Longe e as contribuições isoladas.
Vice de Paulo Câmara, Raul Henry foi ao município acompanhado de Pedro, filho de Eduardo Campos
Seguindo o roteiro da última semana de campanha, o candidato a vice-governador pela Frente Popular, Raul Henry (PMDB), teve a ajuda do filho de Eduardo Campos, Pedro Campos, em uma grande caminhada e comício que lotaram a cidade de Carpina, na Zona da Mata Norte. A agenda foi organizada pelo prefeito Carlinhos do Moinho, mas reuniu representantes das principais forças políticas do município, em apoio à candidatura de Paulo Câmara ao Governo do Estado.
Além do prefeito, participaram dos eventos a sua filha Cássia do Moinho, que é candidata a deputada estadual; a ex-prefeita de Tracunhaém Graça Lapa, casada com Carlos Lapa, candidato a deputado federal; Martinha Guerra, filha da vice-prefeita Marta Guerra, representando o deputado estadual Antônio Moraes, que tenta a reeleição; o deputado estadual e candidato a federal João Fernando Coutinho; e Marcos Alencar, filho do candidato a federal Tadeu Alencar.
Raul Henry tem cumprido agenda em paralelo a de Paulo nesses últimos dias de campanha. “Temos uma pessoa que vai assumir o governo com mesma idade que Eduardo assumiu, alguém que ele acompanhou de perto, alguém que tem a virtude da competência administrativa, da simplicidade e humildade. Eduardo o chamava para resolver toda a bronca que surgia. Esse alguém é Paulo Câmara”, enfatizou, para depois ressaltar que Pernambuco terá um senador capaz de defender o estado, e não apenas de “dizer besteiras” em Brasília. Ele pediu o voto casado com o candidato a senador Fernando Bezerra Coelho e a aspirante à presidência da República, Marina Silva.
Pedro se dividiu com o irmão mais velho, João Campos, no intuito de ajudar com mais força a chapa majoritária. Ovacionado pelo povo, Pedro discursou lembrando obras importantes executadas na gestão de Eduardo Campos, a exemplo da escola técnica e a duplicação da BR-408, além da construção da UPAE, e chamou a atenção para o compromisso de instalar um distrito industrial no município. “Nosso time tem o jogador Paulo Câmara, que é um artilheiro na hora de cumprir as tarefas. Vamos multiplicar o legado do meu pai, Eduardo Campos”, pontuou.
DEBATE
Depois de Carpina, Raul Henry seguiu direto para acompanhar Paulo, no último debate dos candidatos a governador, da TV Globo.
Fotos: Andréa Rêgo Barros
Candidato ao Governo garantiu diálogo para reverter efeitos da política perversa do Governo Federal
Os presidentes da Associação dos Fornecedores de Cana de Pernambuco (AFCP) e do Sindicato dos Cultivadores de Cana no Estado de Pernambuco (Sindicape), Alexandre Andrade Lima e Gerson Carneiro Leão, respectivamente, declararam apoio ao candidato da Frente Popular ao Governo, Paulo Câmara (PSB), e seu companheiro de chapa, Fernando Bezerra Coelho (PSB/Senado), na manhã desta quarta-feira (1). Em um encontro na sede da AFCP, com diretores de ambas as entidades, além do Sindicato da Indústria do Açúcar no Estado de Pernambuco (Sindaçúcar), os socialistas receberam, além das palavras de incentivo, um documento com sugestões e demandas do setor para sua futura gestão.
"Quando fui secretário Estadual da Fazenda, pude acompanhar de perto e discutir com a associação e os sindicatos as questões da atividade da cana-de-açúcar. A partir de 2015, vamos continuar juntos, encontrando caminhos para enfrentar as condições adversas que vocês enfrentam hoje, por conta da política perversa que o Governo Federal lhes impôs. Muito do que vocês estão sofrendo, se deve à falta de regras claras no Brasil, onde a cada momento a política para o setor muda. A presidente Dilma Rousseff se recusou a fazer esse debate", apontou Paulo, acrescentando que a candidata do seu partido à Presidência da República, Marina Silva, tem a sensibilidade para debater a questão do etanol.
Paulo declarou que vai avaliar a viabilidade das propostas apresentadas pelos dirigentes e garantiu que seu Governo vai ter um canal aberto de diálogo com o setor. "Vou tratar dessa questão com responsabilidade, assimilando as boas ideias, construindo as condições necessárias para que a Zona da Mata Pernambucana possa atravessar estas dificuldades e se desenvolver, fazendo um setor sucroalcooleiro cada vez mais forte, gerando mais emprego e mais renda", garantiu o socialista, ressaltando a importância do voto casado, para que Fernando Bezerra Coelho possa, no Senado, trabalhar para o fortalecimento do negócio em Pernambuco e no Brasil.
Gerson Carneiro Leão, do Sindicape, explicou o porquê de seu apoio aos candidatos da Frente Popular. "O ex-governador Eduardo Campos teve uma atuação muito importante para a sobrevivência do nosso setor em Pernambuco, e tivemos a oportunidade de acompanhar e interagir muito positivamente com Paulo Câmara, quando ocupou a Secretaria da Fazenda. O Sindicape tem consciência de que ele e Fernando são as melhores opções para Pernambuco e vai orientar seus associados neste sentido", afirmou o dirigente.
"Paulo Câmara tem sido muito receptivo às necessidades do setor, desde sua atuação na Fazenda. Acreditamos que ele dará sequência ao trabalho de Eduardo Campos, que muito nos ajudou diante da política desastrosa do governo Dilma, que provocou uma grande quebradeira, principalmente na Região Nordeste", argumentou o presidente da AFCP, Alexandre Andrade Lima, anunciando também o seu voto fechado na Frente Popular de Pernambuco.


Assessoria de Imprensa do PSB - Crédito: Wagner Ramos.

SHOW DE OFERTAS

SHOW DE OFERTAS

SHOW DE OFERTAS

ESTE BLOG ESTÁ ASSOCIADO À ABLOGPE


SHOW DE OFERTAS NO BLOG DO ED

SIGA O BLOG DO ED NO FACEBOOK

QUEM SOU EU

Minha foto

Sou da cidade maravilhosa chamada Barreiros, interior de Pernambuco, à 108 km de Recife.

Casado e apaixonado por minha esposa.

Pai de uma adolescente. 

Espirita por convicção. 

Apaixonado pela vida em todos os sentidos. Blogueiro à mais de 5 anos, tendo fincado o pé com o Blog do Ed (www.blogdoed.com).

Acesse as redes sociais que faço parte e fique por dentro de novas postagens.

SIGA-ME O BLOG DO ED NO GOOGLE PLUS

SIGA O BLOG DO ED NO TWITTER

RECEBA MEUS ARTIGOS EM SEU E-MAIL

TOTAL DE VISITAS